24/04/2018
  • Google+
  • LinkedIn

Uma revolução nos grandes escritórios jurídicos do país

Por Galeria de Comunicações

A tecnologia tem revolucionado cada vez mais todos os setores da economia e no campo jurídico não é diferente. Escritórios de advocacia de todos os portes estão se rendendo aos benefícios que agrega à rotina diária e à prestação de serviços, mas é nas grandes bancas, com enormes volumes de processos, que se consegue medir com maior exatidão todo o custo-benefício de se investir em tecnologia: alto ganho de produtividade, redução significativa de custos e rapidez na entrega de um trabalho com maior qualidade e segurança; essas últimas permeando todo o processo produtivo. “Além de maior êxito nos tribunais”, ressalta Andressa Barros Figueiredo de Paiva, sócia do Siqueira Castro Advogados.

Essas são apenas algumas das principais vantagens apontadas pelo Siqueira Castro, um dos maiores e mais tradicionais escritórios do país, com 21 unidades no Brasil e no exterior, carteira com mais de 3.000 clientes ativos e volume de processo que ultrapassa 408.000. A sócia da banca explica que o Siqueira Castro decidiu investir pesadamente em tecnologia há cerca de quatros anos e que hoje já há um comitê de Tecnologia da Informação, formado por advogados e funcionários, que está sempre antenado com as novidades do mercado a fim de buscar as soluções mais adequadas às demandas do escritório.

“Agora, estamos constantemente nos atualizando. Investimos alto em um software customizado e direcionado para os grandes volumes das nossas operações, há quatro anos. É uma ferramenta que integra todas as áreas, como a jurídica, a de recursos humanos, administrativa e financeira. Como percebemos ganhos reais com essa automação, especialmente na qualidade e velocidade da entrega aos clientes, desde então temos investido em novas soluções tecnológicas de controle operacional, geração de informação e utilização dessas informações com inteligência”, explica a advogada, que dará palestra na Legal Tech Forum.




No evento, que será realizado na capital paulista nos dias 22 e 23 de maio, a sócia do Siqueira Castro apontará como e quanto às novas tecnologias têm impactado o bom desempenho dos grandes escritórios de advocacia. Ela afirma, por exemplo, que atualmente é possível tomar decisões em defesa dos clientes muito mais rapidamente a partir da análise também veloz de informações jurídicas disponíveis no mercado. “Comparamos e confrontamos essas informações e, dessa maneira, conseguimos elaborar teses que os juízes possam entender de maneira mais assertiva.”

Escritório também especializado em contencioso de massa, o Siqueira Castro contabiliza média de 13 mil novos processos por mês apenas nessa área. Para ter agilidade compatível com esse volume, utiliza ferramentas que monitoram a distribuição desses processos e que são capazes de elaborar os cadastros com todas as informações necessárias, incluindo dados de todas as partes envolvidas e dos tribunais; informar as datas de audiência; e incluir até documentos. Tudo isso antes mesmo de o escritório receber a notificação judicial, o que demora de 30 a 60 dias, explica Fred Ferraz, diretor comercial e de marketing da Kurier Informação, Tecnologia e Inteligência Jurídica, que fará palestra na Legal Tech Fórum em conjunto com a sócia do Siqueira Castro.

“Essa solução melhora ainda mais o cumprimento de prazos dos escritórios, pois permite o cadastro do enorme volume de contencioso”
, afirma Ferraz. A Kurier, diz o executivo, é pioneira no lançamento de diversas tecnologias para esse mercado no país. Com sede em Recife, tem mais de 1.500 clientes em carteira, entre os quais 15 dos 20 maiores escritórios jurídicos brasileiros, segundo Ferraz. “São Paulo responde por cerca de 80% do faturamento da Kurier, que desde a fundação, em 1994, investe forte em desenvolvimento de novas soluções tecnológicas; e pesquisas, algumas realizadas em parceria com renomadas universidades.”

Com nove produtos em portfólio e uma plataforma que abriga informações de aproximadamente 190 milhões de processos, a Kurier tem ferramentas, por exemplo, capazes de reduzir de 40 minutos para apenas dez as respostas dos escritórios em processos de massa movidos contra seus clientes; e de maneira padronizada, com uniformidade nas defesas. “Se há mudança na jurisprudência, no decorrer da ação, todos são atualizados”, enfatiza. Pioneira no lançamento online da tecnologia conhecida como jurimetria – que é a aplicação de modelos estatísticos em análises de processos e fatos jurídicos –, a empresa tem centrado seus investimentos no aperfeiçoamento dessa tecnologia.

“Estamos caminhando para que essa tecnologia avance para análises preditivas. Ela irá informar, entre outros pontos importantes, a probabilidade de se ganhar ou perder um processo, de acordo com o comportamento dos tribunais sobre determinados temas, entre outros fatores, e dará previsibilidade de custos; o que auxiliará os escritórios na tomada de decisões, como propor acordos; e também as empresas a provisionar valores referentes a possíveis perdas”, explica Ferraz.


Legal Tech Forum

Além de como os escritórios de advocacia estão se preparando para inserir cada vez mais as novas tecnologias no dia a dia, a Legal Tech Forum, promovido pelo InteliJur – Inteligência Jurídica, tem uma agenda repleta de conferências nos dois dias do evento. São mais de 20 palestrantes convidados e com larga experiência para debater temas como segurança da informação, direito digital, eficiência e produtividade, tecnologia nos tribunais, entre outros temas de grande interesse da área do Direito. No evento, os participantes terão acesso ainda às mais novas tecnologias voltadas para o setor jurídico, que estarão sendo lançadas numa área de exposição destinada às principais empresas que operam nesse mercado.





InteliJur é uma empresa de informação e relacionamento focada no mercado jurídico. Por intermédio do portal, reúne advogados de empresas (FDJUR), advogados de escritórios e prestadores de serviços, com notícias, informações e pesquisas. Através do Diretório Jurídico é possível que os departamentos jurídicos ou outros advogados interessados em prestadores de serviços jurídicos encontrem os escritórios com perfil ideal para contratação. Eles podem selecionar o perfil do escritório selecionado por localização, porte do escritório, áreas jurídicas de atuação e até por setores da economia que o escritório tenha expertise.

FDJUR – Fórum de Departamentos Jurídicos – é o maior e mais completo fórum de relacionamento e discussão de boas práticas na gestão de departamentos jurídicos do País. Foi criado há dez anos como uma associação sem fins lucrativos e exclusiva para profissionais de departamentos jurídicos. Por intermédio de ampla rede de contatos, interage com mais de 10.600 profissionais de departamentos jurídicos em 4.887 empresas. Tem a missão de estimular e promover debates, estudos e pesquisas; investir no conhecimento técnico, além de valorizar, reconhecer e premiar as boas práticas de gestão na área.

Uma área de informações relevantes ao advogado interessado em aprimorar seus conhecimentos em gestão.

Participe

Oportunidades

Boletins Informativos